Lista de Exercícios Resolvidos: Java | Python | VisuAlg | Portugol | C | C# | VB.NET | C++
Você está aqui: AutoCAD VBA ::: Dicas & Truques ::: Layer, Layers

Como testar se uma layer existe no documento atual do AutoCAD usando AutoCAD VBA

Quantidade de visualizações: 65 vezes
Nesta dica mostrarei como podemos testar se uma layer existe no documento atual do AutoCAD. Para isso nós vamos pedir para o usuário informar o nome da layer e vamos pesquisar o valor informado na coleção Layers do objeto ThisDrawing.

Note o uso da função ThisDrawing.Utility.GetString() do AutoCAD VBA para ler o nome da layer informada pelo usuário.

Veja o código completo para o exemplo:

' Esta macro AutoCAD VBA mostra como podemos
' pesquisar uma layer no documento atual do AutoCAD
Sub PesquisarLayer()
  ' nome da layer a ser pesquisada
  Dim layer_pesquisa As String
  ' para guardar a layer encontrada
  Dim layer As AcadLayer

  ' caso dê algum erro
  On Error Resume Next

  ' vamos pedir para o usuário informar o nome da layer
  ' a ser pesquisada
  layer_pesquisa = ThisDrawing.Utility.GetString(True, _
    "Nome da Layer: ")

  ' vamos verificar se a layer informada existe no documento atual
  Set layer = ThisDrawing.Layers.Item(layer_pesquisa)

  If Err <> 0 Then
    MsgBox "A layer pesquisada não foi encontrada."
  Else
    MsgBox "A layer pesquisada foi encontrada."
  End If
End Sub

Ao executar este código AutoCAD VBA nós teremos um resultado parecido com:

A layer pesquisada foi encontrada.

Link para compartilhar na Internet ou com seus amigos:

Python ::: PyQt GUI Toolkit ::: QMainWindow

Como criar a janela principal de uma aplicação Python PyQt usando a classe QMainWindow

Quantidade de visualizações: 1113 vezes
Em geral toda aplicação GUI, ou seja, uma aplicação de interface visual, rodando no Window, Linux, MAC, etc, possui uma janela principal. No PyQt tal janela é criada como uma instância da classe QMainWindow.

Veja a posição desta classe na hierarquia de classes do PyQt:

QObject, QPaintDevice
  QWidget
    QMainWindow


Uma janela QMainWindow possui o seu próprio layout, no qual podemos adicionar uma barra de ferramentas QToolBar, um QDockWidget (que serve para controles que "grudam" em lados diferentes da tela), uma barra de menus QMenuBar e uma barra de status QStatusBar.

O layout oferecido pela classe QMainWindow possui uma área central que pode ser ocupada por qualquer tipo de controle visual. É nessa área central que podemos colocar outros tipos de gerenciadores de layouts, que servirão como containers para os componentes visuais da aplicação.

Veja uma aplicação PyQt completa na qual temos uma janela principal QMainWindow e um botão QPushButton. Observe como tiramos proveito da programação orientada em Python para criar uma classe JanelaPrincipal que herda de QMainWindow:

# vamos importar os módulos necessários
import sys
from PyQt6.QtCore import *
from PyQt6.QtGui import *
from PyQt6.QtWidgets import *

# vamos criar uma classe que herda de QMainWindow
class JanelaPrincipal(QMainWindow):
  # construtor da classe
  def __init__(self):
    super().__init__()

    # definimos o título da janela 
    self.setWindowTitle("Cadastro de Produtos")
    
    # vamos criar um botão QPushButton
    botao = QPushButton("Novo Produto")

    # definimos este botão como o controle central
    # da janela principal
    self.setCentralWidget(botao)

if __name__== "__main__":
  # cria a aplicação
  app = QApplication(sys.argv)

  # cria a janela principal e a coloca visível
  janela_principal = JanelaPrincipal()
  janela_principal.show()

  # executa a aplicação
  app.exec()



JavaScript ::: Fundamentos da Linguagem ::: Estruturas de Controle

JavaScript para leigos - Como usar o laço while da linguagem JavaScript

Quantidade de visualizações: 6894 vezes
O laço while (também chamado de loop ou laço enquanto) da linguagem JavaScript é usado quando queremos repetir uma instrução ou um grupo de instruções ENQUANTO uma condição for satisfeita. Veja sua sintáxe:

while(condição){
  // uma instrução ou grupo de instruções
}

A condição pode ser qualquer expressão que resulte em um valor boolean (true ou false). Note também que o teste condicional é feito antes de cada iteração (repetição) do laço. Isso faz com que este laço, dependendo da condição inicial, possa nunca ser executado.

Veja um trecho de código no qual usamos o laço while para contar de 0 até 10:

<html>
<head>
<title>Estudos JavaScript</title>
</head>
<body>

<script type="text/javascript">
  var i = 0;
  while(i <= 10){
    document.write(i + "<br>");
    i++;
  }  
</script>

</body>
</html>

Ao executarmos este código teremos o seguinte resultado:

0
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10

Veja que declaramos uma variável de controle i e a inicializamos com o valor 0. Na entrada do laço nós verificamos se seu valor é menor ou igual a 10. Como esta condição é satisfeita, o laço é executado pela primeira vez. No corpo do laço nós exibimos o valor da variável de controle e a incrementamos em 1. Agora o ciclo se repete. A condição é testada novamente. Se esta for satisfeita, o código entra no corpo do laço novamente e assim por diante.

Veja agora como modificar o laço while anterior para exibir os números de 10 até 0:

<html>
<head>
<title>Estudos JavaScript</title>
</head>
<body>

<script type="text/javascript">
  var i = 10;
  while(i >= 0){
    document.write(i + "<br>");
    i--;
  }  
</script>

</body>
</html>

Agora o resultado do código será:

10
9
8
7
6
5
4
3
2
1
0

Esta dica foi escrita e testada no Internet Explorer 8 e Firefox 3.6.


PHP ::: Dicas & Truques ::: Programação Orientada a Objetos

Programação orientada a objetos em PHP - Como usar herança em PHP

Quantidade de visualizações: 11390 vezes
Quando estamos projetando as classes que farão parte de um sistema, é aconselhável ter em mente um conceito muito importante da programação orientada a objetos: a herança.

O que um aluno, um professor e um funcionário possuem em comum? Todos eles são pessoas e, portanto, compartilham alguns dados comuns. Todos têm nome, idade, endereço, etc. E, o que diferencia um aluno de uma outra pessoa qualquer? Um aluno possui uma matrícula; Um funcionário possui um código de funcionário, data de admissão, salário, etc; Um professor possui um código de professor e informações relacionadas à sua formação.

É aqui que a herança se torna uma ferramenta de grande utilidade. Podemos criar uma classe Pessoa, que possui todos os atributos e métodos comuns a todas as pessoas e herdar estes atributos e métodos em classes mais específicas, ou seja, a herança parte do geral para o mais específico. Comece criando uma classe Pessoa como mostrado no código a seguir:

<?
  class Pessoa{
    public $nome;    
    public $idade;
  }
?>

Esta classe possui os atributos $nome e $idade. Estes atributos são comuns a todas as pessoas. Veja agora como podemos criar uma classe Aluno que herda estes atributos da classe Pessoa e inclui seu próprio atributo, a saber, seu número de matrícula. Eis o código:

<?
  class Pessoa{
    public $nome;    
    public $idade;
  }

  class Aluno extends Pessoa{
    public $matricula;
  }
?>

Observe que, em PHP, a palavra-chave usada para indicar herança é extends. A classe Aluno agora possui três atributos: $nome, $idade e $matricula. Veja um trecho de código mais completo, no qual este relacionamento é mais fácil de ser percebido:

<?
  class Pessoa{
    public $nome;    
    public $idade;
  }

  class Aluno extends Pessoa{
    public $matricula;
  }

  $aluno = new Aluno;
  $aluno->nome = "Osmar J. Silva";
  $aluno->idade = 36;
  $aluno->matricula = "AC33-65";

  // Exibe o resultado
  echo "Nome: " . $aluno->nome . "<br>" .
    "Idade: " . $aluno->idade . "<br>" .
    "Matrícula: " . $aluno->matricula;
?>

A herança nos fornece um grande benefício. Ao concentrarmos características comuns em uma classe e derivar as classes mais específicas a partir desta, nós estamos preparados para a adição de novas funcionalidades ao sistema. Se mais adiante uma nova propriedade comum tiver que ser adicionada, não precisaremos efetuar alterações em todas as classes. Basta alterar a superclasse e pronto. As classes derivadas serão automaticamente atualizadas.


C# ::: Dicas & Truques ::: Gráficos

Como desenhar linhas em C# usando o método DrawLine() da classe Graphics - Computação Gráfica usando C#

Quantidade de visualizações: 12935 vezes
Uma das tarefas mais simples que realizamos quando estamos desenhando em C# é o desenho de linhas. Para isso usamos o método DrawLine() da classe Graphics. Este método recebe um objeto da classe Pen (representando a cor e espessura da caneta de desenho) e as coordenadas iniciais e finais da linha a ser desenhada.

Veja um trecho de código no qual desenhamos uma linha na cor vermelha e com a espessura de dois pixels:

private void button1_Click(object sender, EventArgs e){
  // vamos obter o Graphics do formulário
  Graphics g = this.CreateGraphics();

  // vamos desenhar uma linha na cor vermelha e com espessura
  // de dois pixels
  g.DrawLine(new Pen(Color.Red, 2), new Point(100, 150), 
    new Point(400, 450));

  // vamos liberar o objeto Graphics
  g.Dispose();
}

Execute este código e verá uma linha vermelha na vertical ser desenhada quando você clicar no botão. Aqui nós usamos dois objetos da classe Point. Um para as coordenadas iniciais (x = 100; y = 150) e outro para as coordenadas finais (x = 400; y = 450). É possível fornecer os valores das coordenadas diretamente. Veja:

g.DrawLine(new Pen(Color.Red, 2), 100, 150, 400, 450);

É possível também desenhar múltiplas linhas de uma só vez. Para isso podemos usar o método DrawLines(). Este método recebe um objeto da classe Pen e um array de objetos da classe Point representando as diversas coordenadas. Desta forma, todas as linhas serão conectadas. Veja um exemplo:

private void button1_Click(object sender, EventArgs e){
  // vamos obter o Graphics do formulário
  Graphics g = this.CreateGraphics();

  // vamos criar várias coordenadas x e y
  Point[] coordenadas = {new Point(15,  20), new Point(15, 300),
     new Point(400,  300), new Point(400, 20), new Point(15,  20)};

  // vamos desenhar todas as linhas conectadas usando a cor azul e a 
  // espessura de um pixel
  g.DrawLines(new Pen(Color.Blue, 1), coordenadas);

  // vamos liberar o objeto Graphics
  g.Dispose();
}

Execute este código e clique no botão. Você verá um retângulo azul e com a espessura de 1 pixel ser desenhado no formulário.


Java ::: Dicas & Truques ::: Imagens e Processamento de Imagens

Como carregar uma imagem em um BufferedImage do Java usando o método read() da classe ImageIO

Quantidade de visualizações: 11881 vezes
O método read() da classe ImageIO possui várias assinaturas. Entre elas há uma que aceita um objeto File representando o caminho e nome da imagem a ser carregada. Este método retorna um BufferedImage e atira uma exceção IOException se a imagem não puder ser carregada.

O exemplo abaixo mostra como carregar uma imagem JPG em um BufferedImage usando ImageIO.read():

import java.awt.*;
import java.io.*;
import java.awt.image.*;
import java.awt.event.*;
import javax.swing.*;
import javax.imageio.*;

public class Estudos extends JFrame{
  private BufferedImage imagem;
  
  public Estudos() {
    super("Estudos Java");
    
    Container c = getContentPane();
    c.setLayout(new FlowLayout());
	
    JButton btn = new JButton("Carregar Imagem");
    btn.addActionListener(
      new ActionListener(){
        public void actionPerformed(ActionEvent e){
          imagem = null;
          
          try{
            imagem = ImageIO.read(
              new File("imagens/fundo.jpg"));
          }
          catch(IOException exc){
            JOptionPane.showMessageDialog(null, 
              "Erro ao carregar a imagem: " + 
              exc.getMessage());
          }

          if(imagem != null)
            JOptionPane.showMessageDialog(null, 
              "Imagem carregada com sucesso.");
        }
      }
    );

    c.add(btn);
    	
    setSize(400, 300);
    setVisible(true);
  }
  
  public static void main(String args[]){
    Estudos app = new Estudos();
    app.setDefaultCloseOperation(JFrame.EXIT_ON_CLOSE);
  }
}



Desafios, Exercícios e Algoritmos Resolvidos de Java

Veja mais Dicas e truques de Java

Dicas e truques de outras linguagens

Códigos Fonte

Programa de Gestão Financeira Controle de Contas a Pagar e a Receber com Cadastro de Clientes e FornecedoresSoftware de Gestão Financeira com código fonte em PHP, MySQL, Bootstrap, jQuery - Inclui cadastro de clientes, fornecedores e ticket de atendimento
Diga adeus às planilhas do Excel e tenha 100% de controle sobre suas contas a pagar e a receber, gestão de receitas e despesas, cadastro de clientes e fornecedores com fotos e histórico de atendimentos. Código fonte completo e funcional, com instruções para instalação e configuração do banco de dados MySQL. Fácil de modificar e adicionar novas funcionalidades. Clique aqui e saiba mais
Controle de Estoque completo com código fonte em PHP, MySQL, Bootstrap, jQuery - 100% funcional e fácil de modificar e implementar novas funcionalidadesControle de Estoque completo com código fonte em PHP, MySQL, Bootstrap, jQuery - 100% funcional e fácil de modificar e implementar novas funcionalidades
Tenha o seu próprio sistema de controle de estoque web. com cadastro de produtos, categorias, fornecedores, entradas e saídas de produtos, com relatórios por data, margem de lucro e muito mais. Código simples e fácil de modificar. Acompanha instruções para instalação e criação do banco de dados MySQL. Clique aqui e saiba mais

Linguagens Mais Populares

1º lugar: Java
2º lugar: Python
3º lugar: C#
4º lugar: PHP
5º lugar: Delphi
6º lugar: C
7º lugar: JavaScript
8º lugar: C++
9º lugar: VB.NET
10º lugar: Ruby

Anúncio Patrocinado
Chat de Sexo - Site para adultso - Maiores de 18 anos. Converse com pessoas de todo o Brasil, de forma discreta e anônima


© 2024 Arquivo de Códigos - Todos os direitos reservados
Neste momento há 11 usuários muito felizes estudando em nosso site.