Lista de Exercícios Resolvidos: Java | Python | VisuAlg | Portugol | C | C# | VB.NET | C++
Você está aqui: VB.NET ::: Desafios e Lista de Exercícios Resolvidos ::: Arrays e Matrix (Vetores e Matrizes)

Como retornar o primeiro elemento de um array em VB.NET - Exercícios Resolvidos de VB.NET

Quantidade de visualizações: 125 vezes
Pergunta/Tarefa:

Dado o vetor:

[9, 5, 3, 2, 4, 8]

Escreva um programa VB.NET que mostra como acessar e retornar o primeiro elemento de um vetor em VB.NET.

Sua saída deverá ser parecida com:

O primeiro elemento do array é: 9 
Resposta/Solução:

Veja a resolução comentada deste exercício usando VB.NET:

Imports System

Module Program
  ' função principal do programa VB.NET
  Sub Main(args As String())
    ' vamos criar um array de inteiros
    Dim valores As Integer() = {9, 5, 3, 2, 4, 8}

    ' agora vamos retornar o primeiro elemento do vetor
    Dim primeiro As Integer = valores(0)

    ' e mostramos o resultado
    Console.WriteLine("O primeiro elemento do array é: " & primeiro)

    Console.WriteLine(vbCrLf & vbCrLf & "Pressione qualquer tecla para sair...")
    ' pausa o programa
    Console.ReadKey()
  End Sub

End Module


Link para compartilhar na Internet ou com seus amigos:

Java ::: Desafios e Lista de Exercícios Resolvidos ::: Java Básico

Exercícios Resolvidos de Java - Como testar se um número é positivo ou negativo em Java

Quantidade de visualizações: 12526 vezes
Pergunta/Tarefa:

Escreva um programa Java que pede para o usuário informar um número inteiro. Em seguida seu código deverá informar se o número informado é positivo, negativo ou neutro. O zero não é um número positivo nem negativo, já que não é maior nem menor que si mesmo. Por essa razão dizemos que ele é um número neutro.

Sua saída deve ser parecida com:

Informe um número inteiro: 3
O número 3 é positivo.
Informe um número inteiro: -5
O número -5 é negativo.
Informe um número inteiro: 0
O número 0 é neutro.
Resposta/Solução:

Veja a solução comentada deste exercício usando a linguagem Java:

package estudos;

import java.util.Scanner;

public class Estudos {
  public static void main(String[] args) {
    Scanner entrada = new Scanner(System.in);
    
    // vamos ler o número
    System.out.print("Informe um número inteiro: ");
    int numero = Integer.parseInt(entrada.nextLine());
    
    // o número é positivo?
    if(numero > 0){
      System.out.println("O número " + numero + " é positivo.");
    }
    // o número é negativo?
    else if(numero < 0){
      System.out.println("O número " + numero + " é negativo.");
    }
    else{ // o número é neutro
      System.out.println("O número " + numero + " é neutro.");
    }
  }
}



PostgreSQL ::: Dicas & Truques ::: Comandos DDL (Data Definition Language - Linguagem de Definição de Dados)

Como excluir uma tabela no PostgreSQL usando o comando DDL DROP TABLE

Quantidade de visualizações: 7185 vezes
Em algumas situações precisamos excluir uma tabela em uma base de dados PostgreSQL. Isso pode ser feito por meio do comando DDL DROP TABLE. Este comando remove a tabela da base de dados completamente, incluindo índices, regras (rules), triggers e restrições (constraints). Para disparar um comando DROP TABLE, você precisa ser um super usuário ou possuir privilégios sobre a tabela e o schema na qual ela reside.

Em geral excluímos tabelas usando a ferramenta pgAdmin. No entanto, é importante conhecer e dominar este comando de forma a conseguirmos excluir tabelas a partir da janela de Query do pgAdmin, do SQL Shell (psql) ou usando uma linguagem de programação.

Veja um comando DDL DROP TABLE usado para excluir uma tabela chamada produtos:

DROP TABLE produtos;

Se o comando for executado com sucesso, o PostgreSQL nos exibirá a seguinte mensagem:

Query returned successfully with no result in 31 ms.
Se tentarmos excluir uma tabela que não existe na base de dados, o PostgreSQL abortará a operação com a seguinte mensagem de erro:

ERRO:  tabela "produtos" não existe

********** Error **********

ERRO: tabela "produtos" não existe
SQL state: 42P01
Por este motivo, é interessante usar a cláusula IF EXISTS em conjunto com o comando DROP TABLE. Veja:

DROP TABLE IF EXISTS produtos;

Agora o PostgreSQL trocará a mensagem de erro por uma mensagem de advertência:

NOTA:  tabela "produtos" não existe, ignorando

Query returned successfully with no result in 14 ms.



Python ::: Fundamentos da Linguagem ::: Estruturas de Controle

Python para iniciantes - Como usar a instrução break em Python

Quantidade de visualizações: 10273 vezes
A instrução break da linguagem Python é usada para interromper a execução de um laço for ou while. Observe que se o laço possuir um bloco else, este não será executado se a instrução break for usada.

Veja um exemplo de um laço for que é interrompido se o valor da variável de controle for 5:

# função principal do programa
def main():
  for i in range(0, 21):
    print(i)
    if i == 5:
      break
  
if __name__== "__main__":
  main()

Ao executarmos este código nós teremos o seguinte resultado:

0
1
2
3
4
5


Java ::: Desafios e Lista de Exercícios Resolvidos ::: Laços

Exercícios Resolvidos de Java - Laços - Faça um programa para calcular o valor das seguintes expressões

Quantidade de visualizações: 1687 vezes
Exercício Resolvido de Java - Laços - Faça um programa para calcular o valor das seguintes expressões

Pergunta/Tarefa:

Faça um programa para calcular o valor das seguintes expressões:

1) __$S_1 = \frac{1}{1} + \frac{3}{2} + \frac{5}{3} + \frac{7}{4} + \text{...} + \frac{99}{50} __$

2) __$S_2 = \frac{2^1}{50} + \frac{2^2}{49} + \frac{2^3}{48} + \text{...} + \frac{2^\text{50}}{1} __$

3) __$S_3 = \frac{1}{1} - \frac{2}{4} + \frac{3}{9} - \frac{4}{16} + \frac{5}{25} - \text{...} - \frac{10}{100} __$

Resposta/Solução:

Em ambas as expressões nós temos o último termo nos informando os valores limites. Dessa forma, basta fixarmos um laço for ou laço while com estes limites.

Veja a resolução deste exercício em código Java console:

package arquivodecodigos;

public class Estudos{
  public static void main(String[] args){
    // primeira expressão
    int numerador = 1;
    int denominador = 1;
    double resultado = 0.0;
    
    // laço while para montar os termos e fazer a somatória
    while(numerador <= 99){
      resultado = resultado + ((numerador * 1.0) / denominador);
      numerador = numerador + 2;
      denominador++;
    }
    
    // agora mostramos o resultado
    System.out.println("Primeira expressão: " + resultado);
    
    // segunda expressão
    int expoente = 1;
    denominador = 50;
    resultado = 0.0;
    
    // laço while para montar os termos e fazer a somatória
    while(denominador >= 1){
      resultado = resultado + ((Math.pow(2, expoente) * 1.0) / denominador);
      expoente++;
      denominador--;
    }
    
    // agora mostramos o resultado
    System.out.println("Segunda expressão: " + resultado);
    
    // terceira expressão
    numerador = 1;
    denominador = 1;
    resultado = 0.0;
    int sinal = 1;
    
    // laço while para montar os termos e fazer a somatória
    while(numerador <= 10){
      if(sinal > 0){ // somar
        resultado = resultado + ((numerador * 1.0) / denominador);
      }
      else{ // subtrair
        resultado = resultado - ((numerador * 1.0) / denominador);
      }
      
      numerador++;
      denominador = numerador * numerador;
      sinal = sinal * -1;
    }
    
    // agora mostramos o resultado
    System.out.println("Terceira expressão: " + resultado);
  }
}

Ao executar este código Java nós teremos o seguinte resultado:

Primeira expressão: 95.5007946616706
Segunda expressão: 1.5608286920413398E15
Terceira expressão: 0.6456349206349207


Ruby ::: Dicas & Truques ::: Programação Orientada a Objetos

Como acessar variáveis de instâncias para leitura em Ruby sem a necessidade de métodos acessores usando a função attr_reader

Quantidade de visualizações: 6698 vezes
Por padrão, variáveis de instância em Ruby só podem ser acessadas usando métodos acessores, ou seja, uma variável de instância @nome deve ser lida usando um método obter_nome.

É possível dispensar o uso de métodos acessores empregando o método attr_reader nos nomes das variáveis que poderão ser acessadas, para leitura, é claro. Veja um exemplo:

# Definição da classe Cliente
class Cliente
   attr_reader :nome, :idade
   
   def initialize(nome, idade)
      @nome = nome
      @idade = idade
   end
    
   def obter_nome
      @nome
   end
    
   def obter_idade
      @idade
   end
end

# Cria uma instância da classe Cliente e inicializa as
# variáveis de instância @nome e @idade
cliente = Cliente.new("Osmar J. Silva", 35)

# Acessa as variáveis de instância sem a necessidade de
# métodos acessórios
puts cliente.nome
puts cliente.idade

Sem o uso do método attr_reader, a linha:

puts cliente.nome


causaria o seguinte erro:

teste.rb:25: undefined method `nome' for 
#<Cliente:0x27f540c @nome="Osmar J. S
ilva", @idade=35> (NoMethodError)



Desafios, Exercícios e Algoritmos Resolvidos de Ruby

Veja mais Dicas e truques de Ruby

Dicas e truques de outras linguagens

Códigos Fonte

Programa de Gestão Financeira Controle de Contas a Pagar e a Receber com Cadastro de Clientes e FornecedoresSoftware de Gestão Financeira com código fonte em PHP, MySQL, Bootstrap, jQuery - Inclui cadastro de clientes, fornecedores e ticket de atendimento
Diga adeus às planilhas do Excel e tenha 100% de controle sobre suas contas a pagar e a receber, gestão de receitas e despesas, cadastro de clientes e fornecedores com fotos e histórico de atendimentos. Código fonte completo e funcional, com instruções para instalação e configuração do banco de dados MySQL. Fácil de modificar e adicionar novas funcionalidades. Clique aqui e saiba mais
Controle de Estoque completo com código fonte em PHP, MySQL, Bootstrap, jQuery - 100% funcional e fácil de modificar e implementar novas funcionalidadesControle de Estoque completo com código fonte em PHP, MySQL, Bootstrap, jQuery - 100% funcional e fácil de modificar e implementar novas funcionalidades
Tenha o seu próprio sistema de controle de estoque web. com cadastro de produtos, categorias, fornecedores, entradas e saídas de produtos, com relatórios por data, margem de lucro e muito mais. Código simples e fácil de modificar. Acompanha instruções para instalação e criação do banco de dados MySQL. Clique aqui e saiba mais

Linguagens Mais Populares

1º lugar: Java
2º lugar: Python
3º lugar: C#
4º lugar: PHP
5º lugar: Delphi
6º lugar: C
7º lugar: JavaScript
8º lugar: C++
9º lugar: VB.NET
10º lugar: Ruby

Anúncio Patrocinado
Chat de Sexo - Site para adultso - Maiores de 18 anos. Converse com pessoas de todo o Brasil, de forma discreta e anônima


© 2024 Arquivo de Códigos - Todos os direitos reservados
Neste momento há 10 usuários muito felizes estudando em nosso site.